Say Hello!
Sê bem-vindo a Sydney Harbor!

Sydney é uma cidade com sol, calor e diversão, mas como em todas as cidades, há sempre um lado negro que espreita. Turista, residente ou apenas de passagem, é melhor ter cuidado ao passar pela cidade mais sedutora da Austrália.

Navegação
Últimos assuntos
» Academia de Dança
18.07.18 22:27 por Daisy Stylinson

» Oficina
14.02.18 22:16 por Daisy Stylinson

» Casa
29.01.18 12:51 por Selena Logde

» Quarto do Reece
29.01.18 12:47 por Alison Kennedy

» Starbucks
25.12.17 22:48 por Daisy Stylinson

» Pub
25.12.17 14:28 por Noah Walker

» Casa
24.12.17 12:29 por Reece Kennedy

» [B.I] Charlotte Cooper
22.12.17 22:50 por Charlotte Cooper

» Apartamento
22.12.17 22:40 por Daisy Stylinson


China Doll Restaurant

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ir em baixo

China Doll Restaurant

Mensagem por Sir Peter em 12.05.16 23:09

Relembrando a primeira mensagem :

avatar
Sir Peter
Admin


http://sydneyharbor.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: China Doll Restaurant

Mensagem por Noah Dawson em 06.09.17 23:21

-Não ponho, porque vou provocar um acidente e deixar-me ir contra o vidro para ter uma morte violenta. - Disse, sarcástico, enquanto colocava o cinto que ela me pedira para colocar. Revirei os olhos e abanei a cabeça, ignorando o seu agradecimento de antes. A minha noite já tinha ficado estragada com a bebedeira de Mad, portanto não era como se não tivesse nada para fazer.
Enquanto conduzia a máxima velocidade, desfrutando do clássico que, segundo o que ela dissera, era do seu avó, lembrei-me que não iria ter carro para voltar para trás. Com todo o entusiasmo para conduzir a máquina, o meu cérebro deixara de funcionar corretamente e de se lembrar da lógica, quase como acontece quando se está apaixonado.
Os pensamentos fizeram-me lembrar de Jace e da sua paixão, ele não conseguia esquecê-la, nem bêbedo. Ele nunca deveria ter aparecido na festa, sabendo que tinha um problema, um jantar de aniversário não era o melhor sítio para recuperar.
- O Jace pode ser um bêbedo, mas isso não é desculpa para te forçar. - Acabei por quebrar o meu silêncio e o dela. - Mesmo assim, não penses que fiz alguma coisa por ti, só não queria que houvesse um escândalo que nos banisse, a Mad ficaria devastada.

---------- ❉ ----------

avatar
Noah Dawson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: China Doll Restaurant

Mensagem por Blake Hill em 07.09.17 12:10

Os meus pensamentos foram interrompidos por Jace. Assenti quando me disse que tinha feito algo por alguém e não por mim, se fosse noutro dia não acreditaria. Mas hoje estava completamente arrasada para não me deixar afetar. Assenti mais uma vez e virei a cara, ao sentir que os meus olhos estavam a ficar novamente cheios de lágrimas. Para Blake. Para.
Continuei calada até me aperceber que tínhamos passado a discoteca. – Para onde vais? Estás a ir pelo caminho mais comprido. – Avisei-o.
Não sei se queria andar mais de carro, mas a este ponto não queria saber. Só queria sair do carro e afastar-me dele também. Não preciso que me magoem duas vezes esta noite. Porque é que aceitei ainda ir sair? Eu devia era voltar para casa.
Apanhei o meu cabelo com um elástico e encostei-me ao banco, puxando-o ligeiramente mais para trás para ficar confortável. Liguei a rádio e coloquei uma estação ao calhas, não sei o que ia dar, mas pelo menos o silêncio não era algo que me tinha que preocupar.

---------- ❉ ----------

avatar
Blake Hill


About Me
Idade: 23 anos
Profissão: Médica Estagiária
Skills:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: China Doll Restaurant

Mensagem por Noah Dawson em 07.09.17 21:43

Soltei um grunhido frustrado por ela estar a fazer comentários sobre o caminho que estava a levar, só faltava corrigir-me ou ensinar-me a estacionar. Pressionei os lábios uns nos outros para me manter calado e comecei a procurar um lugar onde meter o carro em segurança. - Chegámos, não está satisfeita com a rapidez? Para a próxima ligue a um táxi. - Disse num tom sarcástico. Tirei o cinto, já a preparar-me mentalmente para um ataque de fúria de Jace, caso ele sempre tivesse vindo ou ficado a bater com a cabeça em casa. Ele não ia gostar de saber que tinha sido eu a trazê-la, mas sinceramente também não me apetecia, não ia comunicar com ele enquanto estivesse bêbedo como estava. Mad era outra, parecia que ia ter que procurar outra desconhecida que não gostasse de beber até ficar inconsciente.
Andei à frente de Blake até chegar à entrada da discoteca, começando a abrandar para estar ao seu lado. - Não te esqueças que agora és tu a minha boleia. - Avisei-a. - E... se precisares de alguma coisa diz-me - disse, talvez rápido demais.

---------- ❉ ----------

avatar
Noah Dawson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: China Doll Restaurant

Mensagem por Blake Hill em 07.09.17 21:59

Ele era amigo de Jace, o facto dele me ter trazido poderia complicar demasiado as coisas entre eles e entre nós e eu não queria isso. Procurei pelo vidro do carro, o carro de Jace. No meio de tantos era capaz ter-me escapado o seu carro, mas o facto de não o ter visto acalmava-me bastante. – Eu não estou a reclamar. Tem calma. – Pedi-lhe enquanto retirava o meu próprio cinto. Baixei o espelho e abri o porta-luvas, queria arranjar-me um pouco antes de entrar. Tinha que disfarçar estes olhos urgentemente.- É rápido, prometo. – Murmurei. Retirei o meu corretor de olheiras, começando a por um pouco debaixo dos olhos e coloquei o meu batom, que era uns quatro tons acima dos meus lábios. Talvez chamasse a atenção um pouco mais para eles e desviasse a atenção dos meus olhos. Saí do carro, soltei o cabelo e ajeitei a minha roupa. Não estava impecável como gostaria, já começava a estar um tanto embrulhada das viagens.
Corri ligeiramente para chegar perto dele e parei antes de entrar para a discoteca. – Eu não me esqueço, quando estiveres farto vem ter comigo que eu levo-te a casa. – O segurança já estava a fazer sinal para entrarmos, mas o que ele disse a seguir segurou-me o passo. – Tu também. Prometo que não vou estragar a festa à Mads. – Com certeza que estaria a dizer isso para não levar os meus problemas para junto da aniversariante. Esta quando ele entrou correu para junto dele. Será que são um pseudo-casal e ninguém deu por isso? Agora que olho bem para eles, ficariam lindamente um com o outro.
Eu nunca bebo, mas hoje não ia conseguir resistir a uma bebida. Aproximei-me junto da nossa mesa e peguei em dois shots, bebi-os tão rápido que mesmo se quisesse não conseguia dizer o que realmente eram.


---------- ❉ ----------

avatar
Blake Hill


About Me
Idade: 23 anos
Profissão: Médica Estagiária
Skills:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: China Doll Restaurant

Mensagem por Noah Dawson em 07.09.17 22:38

- Não me levas a casa, levas-me ao restaurante, tenho lá o meu carro. - Corrigi-a, também não queria que ela soubesse onde morava, só levava lá pessoas em quem confiava plenamente. - Podes não ser tu que queres estragar-lhe a festa - comentei, não conseguindo dizer nada quando Mads correu até mim e me abraçou.
- Ainda bem que já chegaste! - ela olhou para Blake, que seguiu em frente, e depois para mim. - Chegaram - corrigiu-se, num tom mais desagradado.
- Mad, devias parar de beber - aconselhei-a, levando-a até ao espaço que nos estava reservado. Sentei-me ao lado dela, já que ela não me largava, e fui a tempo de ver Blake beber dois shots de tequila logo de uma vez. Aquela noite não ia correr bem, isso estava visto. Peguei num dos copos que me deram e bebi um deles. Da última vez tinha bebido demasiado a noite não tinha sido bonita para ninguém, por isso ia ficar atento ao que ingeria.

---------- ❉ ----------

avatar
Noah Dawson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: China Doll Restaurant

Mensagem por Blake Hill em 07.09.17 23:23

Quem diria que dois shots me deixavam assim, aposto que o que eu sinto é falso e parte do meu psicológico. Mas não vou pensar nisso.
A música provocava um estado eufórico dentro de mim, que me fazia querer dançar. Desci as escadas para a zona normal e deixei-me dançar, ligeiramente mais atrevida que o costume. Começo a gostar deste efeito, sinto-me leve e despreocupada. Sempre que alguém se atrevia a roçar-se ou a puxar-me eu afastava-me consideravelmente. As músicas foram passado, uma, duas, …, seis; até que decidi parar para ir buscar um pouco de água. Estava demasiado calor dentro daquela discoteca, ao ponto de me sentir desconfortável. – Quero uma garrafa de água. – Pedi assim que alcancei o bar e me deram a devida atenção. Bebi a água tão rápido, que parecia que tinha vindo do deserto Sahara – pelo menos era assim que descreveria a minha boca.
Uma cabeça loira rolou no meu olhar, eu conhecia…Espera. Era Jace e estava perto da nossa zona privada. Imediatamente me quis ir embora, mas para isso tinha que ir chamar o Noah. Ficar aqui com ele neste estado é que não. Com cuidado e sempre atenta, vasculhei Noah por todo o lado. Encontrei-o perto de Mads que continuava completamente embevecida por ele, mas desta vez um pouco chateada também. Pelo menos pareceu-me. – Noah…- Chamei a sua atenção e, com a minha cabeça, apontei para o local onde Jace estava. – Eu acho que me quero ir embora. Eu levo-te … - Ou onde eu pensava que Jace estava. Quando dei por mim tinha-o perto de nós. Comecei a ficar nervosa, se o meu cérebro fosse um novelo de lã estava completamente desengonçado sem volta a dar. As minhas pernas tremiam e a única coisa que me lembrei de fazer foi puxar o Noah e juntar os meus lábios aos dele.

---------- ❉ ----------

avatar
Blake Hill


About Me
Idade: 23 anos
Profissão: Médica Estagiária
Skills:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: China Doll Restaurant

Mensagem por Noah Dawson em 08.09.17 0:22

O tempo foi passando, o álcool foi entrando e as músicas tornaram-se subitamente mais divertidas. Eu era um dançarino nato quando começava a ficar tocado pelo álcool. Eventualmente, acabei por me esquecer de Blake e da minha boleia e foquei-me em Mad. Tinha dito a mim próprio que não faria, nem tentaria, nada com ela, mas ela continuava junto a mim, a dançar e a roçar-se e eu começava tanto a perder a calma, em todos os sentidos.
- Queres água? - Perguntei-lhe ao ouvido para que me ouvisse. Mad revirou os olhos e abanou a cabeça, continuando a dançar enquanto me fitava. Ela não estava muito feliz de eu mal a estar a tocar, mas existiriam mais dias, caso ela quisesse. Acabei por me afastar, assustando-me quando vi Blake vir na minha direção; ela vinha com uma expressão chateada, assustada, tudo ao mesmo tempo. Assenti para ela, percebendo que era para ir embora, apesar de estar alegre devido às bebidas que tinha ingerido, também já não fazia muita questão de ficar ali. Mad não me largava nem me deixava procurar outra que estivesse interessada (e sóbria). Quando me ia afastar, vi Jace a vir ter connosco e depois observei a expressão de Blake, mas acabei por não entender nada, porque, do nada, só vi escuro e senti uns lábios nos meus. Senti uma pressão no meu pescoço para que baixasse a cabeça e, por momentos, ainda correspondi ao beijo, provando os lábios suaves e o sabor a vodka e limão, mas logo vim a mim e me afastei, esbugalhando os olhos ao voltar a fitar Blake. Mas que merda...

---------- ❉ ----------

avatar
Noah Dawson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: China Doll Restaurant

Mensagem por Blake Hill em 08.09.17 1:13

A minha atitude foi demasiado irracional. Caí em mim muito antes de ele me beijar de volta, os seus lábios estavam quentes, mas nem por momentos consegui esquecer quem estava a nossa volta. Talvez por microssegundos. Quando ele se afastou de mim, podia jurar que ainda sentia os seus lábios nos meus. – Desculpa. – Murmurei num tom baixo perto da sua orelha. Não me tinha afastado dele o suficiente ainda, os seus olhos estavam arregalados. Como é que nunca tinha notado que tinha uns olhos tão bonitos? Queria explicar-lhe, só que nem eu encontrava explicações.
- Logo vi. – A voz de Jace fez-se sobressair no meio de tanto barulho. Eu não queria arruinar a amizade deles e sentia-me mal por o ter beijado, podia ter pensado nisso antes. – Sua grande Puta. – O cheiro a álcool tresandava dele, era tão forte que me fazia sentir nauseada.
-  Mais não Jace…tu não percebes nada. – Não sei se foi o álcool, mas algo tinha despertado em mim. Talvez com o beijo, Noah, tivesse transferido um pouco de coragem para mim. – Vai embora. Por favor. – Pedi da forma mais gentil que consegui.
- Sempre andaste enrolada com ela. – Desta vez dirigiu a palavra a Jace. – Tu sabes das coisas todas, filho da puta. Sabes o que te contei e ainda queres andar com ela? – Ele estava a ficar demasiado exaltado. A culpa era minha. Sou tão estupida. Coloquei a minha mão sobre a barriga de Noah, numa tentativa de o proteger de alguma coisa. O que é que ele andou a dizer ao Noah?
- A culpa foi minha. Eu é que o beijei, porque…porque…eu gosto dele. – Acho que tinha acabado de fazer pior. As minhas pernas tremiam tanto que começava a perder o equilíbrio. – Mas ele não gosta de mim. Nada. – Começava-me a enrolar toda e a mostrar novamente medo por ele.
- Claro que não gosta. Eu já te disse que a única pessoa que vai gostar de ti na tua vida toda, sou eu.  – Eu temia aquelas palavras. Congelavam todo o meu corpo e faziam o meu coração  escapar algumas batidas. Talvez fosse verdade. Eu não tenho amigos, muito menos alguém que esteja interessado por mim por aquilo que sou e não por aquilo que veem.   Se quiseres que eu pare por aqui vem comigo, se vieres comigo eu paro. Ouviste Blake? Tens uma chance de não te tornares numa gaja que todo o mundo odeia e de não estragares a festa à Mads. – Eu não consegui responder, dizer que não ou que sim ou até mesmo andar em direção a ele ou à porta de saída. – Caralho, ficas sempre assim. Diz alguma coisa. – Quando começou a querer gritar o segurança aproximou-se de nós e olhou para mim diretamente.
- Está tudo bem por aqui? – Ele era bem mais forte que Jace. Eu queria ter dito que não estava, queria ter dito para o expulsarem, mas invés disso assenti.
-  Si-sim. – A minha voz saiu tremida. Mais uma vez a culpa de não acabar aquele filme todo era unicamente minha.
- Está, está tudo bem. Não a ouviu? – Jace respondera alto sobre a voz de alguém e o segurança assentiu. Olhou para nós varias vezes e durante algum tempo Jace manteve-se calado. A sua raiva parecia transparecer nas veias salientes que tinha e nos punhos fechados que teimavam em tremer.  – Sabes uma coisa, Blake?  Esse gajo aí violou uma gaja e todos sabem dessa merda. – Abanei a cabeça. Não acreditava, nem quer iria passar muito tempo a pensar nisso. Tudo o que ele dizia daquela boca para fora era pura mentira. – Não acreditas? Pergunta! Pergunta aqui à Mads. – Ela não disse nada, mas a sua expressão denunciou-a. Ela acreditava. – Vá agora vem comigo, deixa-te de merdas e vem comigo. – Abanei novamente a cabeça.
Olhei para Noah, gostava de lhe dizer que não acreditava no que Jace me disse, mas as palavras não me saíram. Tinha-o arrastado para aquela confusão e o meu sentimento de culpa crescia a cada instante. Nem sequer devia ter olhado para ele desta maneira, despoletou um sentimento aterrador em Jace que quis bater nele, mas ele parou a tempo quando ouviu a minha voz. – Eu vou contigo. – Disse por fim.Não sei se era a adrenalina a correr em mim, mas não tinha chorado. Os meus olhos estavam completamente secos e isso era uma primeira vez.

---------- ❉ ----------

avatar
Blake Hill


About Me
Idade: 23 anos
Profissão: Médica Estagiária
Skills:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: China Doll Restaurant

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum