Say Hello!
Sê bem-vindo a Sydney Harbor!

Sydney é uma cidade com sol, calor e diversão, mas como em todas as cidades, há sempre um lado negro que espreita. Turista, residente ou apenas de passagem, é melhor ter cuidado ao passar pela cidade mais sedutora da Austrália.

Navegação
Últimos assuntos
» Academia de Dança
13.04.18 22:46 por Daisy Stylinson

» Oficina
14.02.18 22:16 por Daisy Stylinson

» Casa
29.01.18 12:51 por Selena Logde

» Quarto do Reece
29.01.18 12:47 por Alison Kennedy

» Starbucks
25.12.17 22:48 por Daisy Stylinson

» Pub
25.12.17 14:28 por Noah Walker

» Casa
24.12.17 12:29 por Reece Kennedy

» [B.I] Charlotte Cooper
22.12.17 22:50 por Charlotte Cooper

» Apartamento
22.12.17 22:40 por Daisy Stylinson


Ruby's Diner

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ir em baixo

Ruby's Diner

Mensagem por Sir Peter em 12.05.16 21:46

Relembrando a primeira mensagem :

avatar
Sir Peter
Admin


http://sydneyharbor.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 29.08.17 3:12

Sinceramente, ouvir a sua resposta deixou-me inexplicavelmente mais calma. Mesmo que o que ele me estivava a dizer fosse mentira, e ele acabasse por se revelar uma pessoa violenta, aquelas suas palavras acalmaram-me durante breves segundos. De qualquer das formas, nunca me iria dar com ele o suficiente para saber se o que dizia era verdade ou não. Só íamos trabalhar juntos, mais nada.
- Este trabalho é calmo.- encolhi os ombros, pegando em mais um prato para o limpar, no preciso momento em que ouvi um estrondo que me fez estremecer. Arregalei os olhos, dando de imediato um passo para trás, e só quando olhei para o chão é que me apercebi de que tinha sido apenas um copo. Engoli em seco, sentindo o meu coração prestes a saltar-me pela boca e esforcei-me por respirar fundo, antes de voltar a olhar para Carter.- não...não te preocupes.- tossiquei, tentando recompor-me.- temos muitos copos.- murmurei, sem saber se aquilo fazia muito sentido.- a vassoura e a pá estão atrás daquela porta.- apontei para a mesma, aproveitando a chegada dos primeiros clientes para virar costas.

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 29.08.17 20:31

Sorri-lhe quando disse que o trabalho era calmo, já sabia disso, ia ali todos os dias, mas sabia que a partir do momento em que me vissem e soubessem quem eu era, que as coisas não iam ficar tão calmas quanto antes. Ia voltar a ser despedido, aquele trabalho era temporário, o melhor era começar a procurar um novo.
- Desculpa - respondi ao ver que a tinha assustado. Fui rapidamente buscar a vassoura e a pá onde ela disse que estavam e, ao levantar a cabeça para ver quem eram os clientes que tinham entrado, não consegui evitar um sorriso irónico, porque a minha vida nunca deixava de me surpreender.
- Bom dia. - Era o meu pai.
avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 30.08.17 13:54

Acabei por ignorar o seu pedido de desculpas, dirigindo-lhe apenas um encolher de ombros. Ainda tinha o coração aos pulos, precisava realmente de me acalmar. Por isso mesmo, tentei manter a minha atenção focada nos clientes que entravam no dinner e que, ao que parecia, já conheciam Carter. Pelo menos foi o que pareceu, visto que um deles ignorou o meu ''bom dia'', e ficou apenas a fitá-lo. Juntei ligeiramente as sobrancelhas, olhando-o por cima do meu ombro, e fiquei sem perceber se também conhecia aquele homem. A verdade é que ele vivia ali, era normal conhecer quem lá passasse, certo? Mesmo que o ambiente tivesse ficando incrivelmente estranho, certo? Fiz uma pequena careta, tentando não começar a pensar demasiado e acabei por encaminhá-los para uma das mesas, esticando-lhes logo de seguida o menu.
- Aqui têm a nossa ementa.- disse, com um pequeno sorriso, enquanto lhas entregava.- tomem o tempo que precisarem.- continuei.- assim que tiverem escolhido, chamem-me e eu trato do vosso pedido.- voltei a sorrir, recebendo apenas dois acenar de cabeça como resposta e acabei por virar costas, aproximando de Carter, que ainda estava atrás do balcão.- eu espero que não te tenhas importado de que os tivesse atendido.- murmurei, colocando uma pequena mecha de cabelo atrás da orelha.- mas se quiseres ser tu a entregar os pedidos, eu não me importo.- continuei, subindo o meu olhar para o seu.- eu percebi que são teus conhecidos.- atrevi-me a dizer, mordiscando o meu lábio inferior logo de seguida.- quer dizer...são, não são?

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 30.08.17 18:07

A tensão entre mim e o meu pai aumentava a cada segundo que nos olhávamos. Não sabia as intenções dele ao ir ali, raramente o via por aquele lado da cidade e, estranhamente, ele não parecia bêbedo. Felizmente, antes que eu pudesse perguntar-lhe o que fazia ali, Paige levou-o a ele e ao homem que o acompanhavam a uma mesa. Observei-o, vendo-o comportar-se como uma pessoa normal com a empregada. Sabia que eles não estavam ali só por estar, de alguma forma ele devia ter descoberto que eu tinha começado a trabalhar ali.
Desviei o olhar para Paige, que tinha voltado e começara a falar para mim. Abanei a cabeça, não conseguindo nem formar um sorriso. - Não, não me importo que sejas tu. - Respondi. Assenti, continuando a limpar pratos. Não havia porque mentir, se ia ficar ali, nem que fosse apenas durante uma semana, ela devia saber quem era quem. Caso houvesse algum problema, ou melhor, caso acontecesse alguma coisa entre mim e ele, pelo menos, ela saberia. - O moreno é meu pai.
avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 30.08.17 18:55

Okay, começava a ser mais do que óbvio que Carter conhecia aquelas pessoas. Mesmo que ele não mo dissesse, a sua expressão tinha mudado de tal forma que era impossível que não se conhecessem. Olhei pelo canto do olho para os homens, apenas para me certificar de que não me tinham chamado e só depois voltei a olhar para Carter, não conseguindo evitar uma pequena careta assim que me disse que um dos senhores era o seu pai.
- Não pareces muito contente por o ver.- e antes que eu pudesse pensar sequer no que estava a dizer, já as palavras me estavam a escapar pelos lábios. Merda, Ruby.- ahm, desculpa.- apressei-me a dizer, antes que ele tivesse tempo de falar.- eu não tenho nada a ver com isto, se não queres atendê-los, eu vou lá.- assenti para mim mesmo, ajeitando o meu avental.- ajudas-me só a preparar os pedidos?

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 30.08.17 19:10

Desviei o olhar para Ruby face ao seu comentário e observei o meu pai logo de seguida, vendo-o a fitar-me do sítio onde estava. - Ele também não parece contente em me ver - respondi, ignorando o seu pedido de desculpas. - Eu ajudo-te com os pedidos. - Pousei o pano no balcão e hesitei. Não, eu não ia ceder aos meus impulsos menos bons, podia acabar por ser despedido só por chatear um dos clientes, mesmo que ele estivesse a fazer de propósito para mexer com o meu psicológico. Cerrei maxilar e olhei para os meus punhos, tentando agir normalmente à frente de Paige. Ela já devia estar a pensar mal o suficiente de mim. Primeiro, um rapaz aparece-lhe com uma costela partida, depois parece que a está a perseguir e agora, tal rapaz, parecia possuído. Lá se foi a boa impressão.
-Hm... - apontei para a mesa onde os homens estavam. - Se não te importares, podes ir atendê-los, eu já sei o que o meu pai quer, por isso, vou adiantar as coisas lá dentro.
avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 30.08.17 19:16

Eu estava a achar aquilo tudo tão estranho que decidi nem fazer mais perguntas. Sinceramente, acho que preferia não saber. Limitei-me a assentir ao que Carter tinha dito e, quando percebi que me estavam a chamar, fui até à sua mesa tirar o resto do pedido. Apontei tudo no meu bloco de notas, afastando-me com um leve sorriso e fui depois para trás do balcão, tratando do pedido do outro homem, já que Carter se tinha prontificado a tratar do do seu pai. O que valia era que daqui a pouco tempo eu já não estaria mais naquele lugar. Por isso mesmo, quanto menos me envolvesse nos assuntos das pessoas, quanto menos me importasse, quanto menos soubesse, melhor. Coloquei as panquecas no prato assim que terminei de as fazer, e depois de tratar das bebidas, e depois de Carter me entregar o que tinha estado a preparar, fui entregar-lhes a respetiva comida.

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 30.08.17 20:23

Eles comeram em silêncio enquanto nós os observávamos, atrás do balcão, à espera que aparecesse mais alguém.
-Isto está calmo, não está? - Perguntei de forma retórica. Ainda era cedo para a hora de maior confusão, mas desejava por mais pessoas. Ele estava ali para me perturbar, se houvesse mais clientes ele podia ir embora sem mais provocações, sem armar um escândalo. Ninguém tinha medo do meu pai, apesar de já se ter metido em confusões, só em casa é que ele se revelava. Mas apenas estava eu e mais dois colegas, sendo Paige uma delas. Ele não ia ter consideração por ela e poupa-la a uma briga entre pai e filho, ele não respeitava a minha mãe, não respeitava qualquer mulher.
Quando o meu pai se levantou, mordi o lábio inferior com força, tinha o coração a querer sair-me pela garganta e cada passo que dava a vontade de fugir era maior. Estava farto, cansado.
- A comida estava do teu agrado? - Perguntei com uma falsa simpatia.
- Melhor que a tua mãe. - Respondeu, pousando os cotovelos no balcão, olhando tanto para mim como para Paige. - Quando ela me disse que estavas a trabalhar aqui não quis acreditar. Largaste o emprego que te arranjei? . - Continuou, aparentemente calmo. Juntei as sobrancelhas. A minha mãe nunca diria que eu estava a trabalhar ali, a não ser que... Cerrei a mão num punho e escondi-as atrás das costas, tinha que me controlar, não mostrar sentimentos era uma das melhores formas para ele se fartar de me chatear.
- Ainda bem que gostaste, é melhor ires embora agora. - Pedi educadamente. Olhei Paige pelo canto do olho e desejei que ela saísse antes que houvesse problemas.
- Eu vou embora, tenho que ir trabalhar. - Continuou. - Espero por ti em casa. - Agora sim. Aquele era um aviso que eu precisava de ouvir para nem chegar a aparecer em casa. - Adeus, - olhou para o nome costurado no avental - Paige - piscou-lhe o olho.
Engoli em seco assim que ele saiu e voltei a encostar-me à parede.
- Hm... desculpa, ele não bate bem - desculpei-me, aproximando-me da porta da cozinha. - Eu vou arrumar a cozinha. - Parece que, desta vez, nem ia aparecer em casa depois do trabalho.
avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 31.08.17 3:01

Apesar de ter noção de que Carter estava a falar comigo, não respondi. O ambiente estava demasiado estranho, e eu já não me estava a sentir nada confortável. Apesar de estarem a comer, o homem que se dizia ser seu pai não parava de olhar na sua direção. E apesar de muito provavelmente serem macaquinhos da minha cabeça, a verdade é que havia algo que não estava a bater certo. E mais estranho ficou quando o seu pai se aproximou do balcão e começou a falar com Carter no tom mais frio e distante de sempre. Eu nunca tinha tido uma relação com os meus pais, e também não tinha tido a infância mais convencional de todas, mas eu sabia que não era suposto ser daquela forma. E eu ainda pensei em afastar-me, mas os olhos daquele homem presos em mim congelaram o meu corpo de tal forma que eu fiquei naquele sítio até a conversa cessar.
- A-deus.- balbuciei, quando percebi que se estava a despedir de mim, e só quando a porta se fechou é que me virei para Carter, hesitando uns segundos antes de falar.- ele parecia um bocado chateado.- acabei por comentar, abanando ligeiramente o corpo para que aquela sensação estranha abandonasse o mesmo. Juntei as sobrancelhas ao vê-lo virar costas e só não satisfiz o meu desejo de ir atrás dele, porque um casal entrou no dinner. Fui rapidamente atendê-los, apontando os seus pedidos e só depois entrei na cozinha, ficando durante uns segundos parada à porta.- tu estás bem? - perguntei, esticando-lhe o papel com os pedidos.- eu não sei se é impressão minha, mas não pareces muito bem desde a visita...ahm, desde a visita do teu pai.- encolhi os ombros.- e se não quiseres explicar não precisas, só quero saber se estás bem.

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 31.08.17 11:45

Ele estava sempre chateado, foi o que me apeteceu dizer ao seu comentário, mas Paige não merecia ouvir-me queixar de novo sobre a minha vida. Ainda estava ligeiramente constrangido por causa do que tinha acontecido no dia em que a tinha conhecido, ali no Ruby's.
Lavei a loiça que eles tinham sujado, aproveitando que ainda estava sozinha na cozinha para descarregar a minha raiva no esfregão e nos pratos. Só parei quando ouvi a voz de Paige atrás de mim, olhei para trás, limpando as minhas mãos no avental antes de me virar para ela. - Estou bem, - disse, de forma convincente, agarrando nos pedidos que ela tinha trazido - ele já não me afeta como queria. - Levantei a cabeça para a fitar. - Ajudas-me com as panquecas? Vou destruí-las sozinho.
avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 03.09.17 15:31

Ele já não me afeta como queria. Apesar da vontade que senti de lhe fazer mais perguntas para, de alguma forma, perceber melhor aquela frase, mantive-me calada. Eu não tinha nada a ver com aquilo. Nem queria ter. Não me ia aproximar de ninguém, não me ia envolver com ninguém, fosse de que maneira fosse. Por isso, quanto menos soubesse, melhor. Limitei-me a assentir, ajudando-o com o que me pediu e depois voltei para a sala principal, continuando a atender os clientes à medida que estes iam chegando. E assim se passou mais um dia. Entre pedidos, loiça lavada e mesas postas, pouco ou nada mais falei com Carter. Até tínhamos tido alguma clientela, por isso, por muito que quiséssemos, não havia tempo para conversas. E talvez fosse melhor assim. Virei a placa que estava na porta para o lado onde dizia ''fechado'' e fui depois até à cozinha, vendo-o a lavar os pratos.
- Quando acabares de lavar isso podes ir para casa.- disse, aproximando-me para ir arrumar o resto da loiça.- eu fico a arrumar o resto.

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 03.09.17 22:08

Não falei muito durante o resto do dia, limitei-me a experimentar fazer os meus primeiros pedidos e a mostrar as minhas anotações. Deve ter sido por isso que a tarde se passou a arrastar, trabalhei até na hora de almoço, para ver se me distraía, mas a minha cabeça estava sempre a ir para o mesmo sítio.
Sentia que a minha mãe estava em perigo. Estava sempre em perigo. O meu pai ter aqui vindo com a história de que tinha sido ela a dizer-lhe onde trabalhava, só comprovava que alguma coisa tinha acontecido entre eles. Primeiro, porque ela não lho diria; segundo, porque eles mal falavam; terceiro, porque ele não viria todo simpático se não fosse para me provocar.
Mas, por outro lado, eu também estava em perigo. Normalmente conseguia escapar dias sem olhar para a cara do meu pai, dormia num canto do abrigo que tínhamos, perto da garagem, e ele não me procurava sem ser no quarto. Só o enfrentava quando a minha mãe estava envolvida, o que nunca dava certo para o meu lado. O meu pai já tinha muitas cicatrizes minhas, mas eu só tinha começado a ficar mais forte há poucos anos, pelo que as minhas estavam tanto por dentro como por fora.
Levei instintivamente uma mão acima da lombar e mordi o lábio. Ainda sentia dores, mas estava entupido de medicamentos sempre que podia, assim era mais fácil aguentar mais de doze horas em pé e a forçar o riso. Rir, sim, isso era o pior. Para além de ter que forçar algumas gargalhadas no dia a dia, agora tinha que suportar a dor física que isso me trazia.
Paige disse que podia ir para casa assim que terminasse. Não disse nada, ir para casa? Isso estava fora de questão. Parte de mim pedia-me para ir, tinha que ver se a minha mãe estava bem, tudo o que sabia é que ela podia estar estendida no chão. Mordi o lábio com força e acabei de lavar a loiça rápido, subi, depois, para o balcão e sentei-me, pegando depois no telemóvel para lhe ligar. Se ela não atendesse... teria que ir.
- Carter - a voz dela soou pouco tempo depois do primeiro apito. Soltei um suspiro de alívio ao ouvi-la.
- Mãe... estás bem? - Perguntei baixinho para que não me ouvissem.
- Sim. Quer dizer... fisicamente, estou. Ele só me ameaçou e eu cedi... Imaginei que me ligasses a perguntar isso. - Começou. - Mas não venhas para casa - continuou, mais baixo. - Ele deve estar furioso e a encher-se de álcool agora. Esta noite ele pode não vir atrás de mim, mas de ti
- Mas e se for atrás de ti?
- Faz o que eu digo, Carter.
Baixei a cabeça, saltando da banca e assenti para mim mesmo. Ia ter que ser egoísta e esquecer a minha mãe, apenas por hoje.
Olhei em volta, tentando arranjar alguma desculpa para ficar mais um pouco, mas já estava tudo limpo e arrumado. Cocei a cabeça com um suspiro, perguntando-me onde é que poderia ir, e espreitei Paige ao longe, vendo-a a acabar de limpar o chão.
- Vou embora. Até amanhã, Paige. - Despedi-me, saindo devagar para não sujar o que ela já tinha limpado. Não sei se ela me disse alguma coisa ou não, estava demasiado pensativo para isso. Onde é que poderia passar a noite? Não tinha assim tantos amigos e quem tinha já tinha chateado o suficiente com desculpas que até eles percebiam que era mentira. Olhei para o meu telemóvel uma vez mais e sentei-me num banco de jardim, pensando em alguma coisa que não me fizesse passar a noite na rua.


avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 03.09.17 22:56

Era quase impossível não perceber a forma como Carter tinha ficado diferente desde a vinda do seu pai. Mas eu já tinha prometido que me ia manter afastada e era isso que ia fazer. Continuei a arrumar o dinner enquanto ele acabava de lavar a loiça e assim que o senti passar por mim, virei a cara para me despedir, mas já foi tarde demais.
- Ahm...até amanhã? - murmurei, juntamente com uma careta, mas ele já não estava lá. Soltei um leve suspiro, indo guardar a esfregona no seu sítio e visto que já estava tudo feito, só me faltou ir buscar as minhas coisas e depois sim, ir embora. Fechei a porta atrás de mim, guardando a chave na minha mala, e comecei a andar em direcção a casa. Ou melhor, ia começar a fazê-lo quando o vi. Carter. Sentado num banco de jardim. Mordi o meu lábio inferior de forma algo distraída, enquanto ponderava se o ignorava e ia embora ou não. E a minha escolha foi a segunda, vá-se lá saber porquê.
- Está tudo bem? - perguntei assim que me aproximei do banco onde estava sentada, apertando a fivela da minha mala na mão. Mas porque raio é que eu me estava a meter tanto na sua vida?

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 03.09.17 23:35

Surpreendi-me ao ouvir uma voz perto de mim, já tinha saído do dinner e estava num parque por perto, a tentar arranjar uma solução. Não esperava ouvir Paige a perguntar-me se estava tudo bem. Tinha-lhe dito algumas coisas sobre a minha vida, sobre o meu pai, para que, se acontecesse alguma coisa, ela soubesse da minha relação com ele, mas não me deixava de admirar por estar preocupada. No dia em que a conhecera tinha causado tão má impressão que era uma surpresa ela falar comigo sequer.
Poderia pedir-lhe ajuda, ela era nova em Sydney e provavelmente até poderia estar hospedada num motel, mas sempre era um lugar para passar a noite. Mesmo assim, não arranjei coragem para o fazer, já tinha abusado da sua confiança, já chegava ter que me aturar todos os dias até ser despedido.
- Eu estou bem. - Arrependi-me de falar, era uma voz tão plástica que nem me convencia a mim mesmo. Levantei a cabeça para a fitar e forcei um sorriso, para ver se remediava a situação. - Estou só a passar o tempo.
avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 04.09.17 1:28

Assim que ouvi a sua resposta, não consegui evitar um pequeno revirar de olhos. Eu podia não o conhecer, mas até um total desconhecido tinha percebido que aquilo não era, de todo, verdade.
- Não precisas de me dizer a razão.- encolhi os ombros.- mas também não precisas de me mentir.- completei com um leve sorriso. Ajeitei a minha mala ao ombro, ao mesmo tempo que olhava em volta e só voltei a olhar para Carter quando o ouvi dizer que estava a passar tempo.- mas estás à espera de alguém?- juntei ligeiramente as sobrancelhas.- se quiseres posso ir-me embora.- murmurei, apontando para trás.- só achei estranho estares aqui sozinho.- confessei.- achava que ias para casa.

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 05.09.17 21:31

Não era o melhor mentiroso, por isso não me surpreendi por ela não acreditar em mim quando disse que estava bem - a maior parte das pessoas não acreditava. A minha mãe dizia que tinha olhos tristes e a única namorada que tinha tido até agora dissera-me que parecia um cachorrinho triste.
- Não é isso, - expliquei-me, antes que ficasse a pensar que não queria a sua companhia ou que não lhe queria explicar a situação (o que era mais ou menos verdade) - só não queria que te sentisses obrigada a nada. - Levantei-me, ainda sem solução para os meus problemas. - Não estou à espera de ninguém, - respirei fundo antes de falar - mas se insistires, podes ajudar-me a passar o tempo, se me deixares levar-te a jantar.
avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 08.09.17 22:12

- Obrigada a quê? - fiz uma pequena careta, enquanto tentava perceber as suas palavras. Eu também não compreendia o porquê de me preocupar tanto com ele - talvez fosse por causa da noite em que ele tinha vindo parar ao dinner completamente ''destruído'' - mas eu não estava ali por obrigação. Assenti assim que disse que não estava à espera de ninguém e as suas próximas palavras demoraram o seu tempo a fazer sentido na minha cabeça.- jantar? - arregalei ligeiramente os olhos.- tu queres levar-me a jantar? - engoli em seco, tendo a perfeita noção da figurinha que estava a fazer. O meu primeiro instinto era dizer-lhe que não e fugir para casa, mas assim que me atrevi a olhá-lo, as minhas ideias dissiparam-se. Eu não queria que ele me achasse ainda mais estranha do que já achava. E além disso, havia qualquer coisa nele que me levava a confiar, ainda que isso me assustasse ainda mais.- ahm...- murmurei, quando percebi que já estava há demasiado tempo calada.- está bem, eu aceito.- esbocei um pequeno sorriso.- podes levar-me a jantar.

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 09.09.17 20:26

Ela podia sentir-se obrigada só pelo simples facto de eu estar ali, sem saber o que lhe dizer e a dar demasiado nas vistas que não queria voltar para casa. Mesmo assim, encolhi os ombros para lhe responder, limitando-me a esse gesto, sem saber o que lhe podia dizer.
Depois de a convidar para jantar, só me quis esconder; fazia sempre o mesmo - dizia coisas que queria, mas que podiam ser inconvenientes - e deixava-a a olhar-me, estupefacta e sem jeito. Provavelmente tinha medo de dizer que não, mas antes que o fizesse, interrompi o nosso silêncio. - Eu ia jantar por aí - e beber bastante, acrescentei mentalmente. Levantei as sobrancelhas, à espera que me dissesse alguma coisa e, felizmente, quando ela finalmente falou, aceitou. - Boa, está bem - assenti para mim próprio, pensando melhor nas minhas opções. Bom e barato era o que tinha que procurar. - Domino's? - perguntei, referindo-me ao sítio para jantarmos.
avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 16.09.17 20:24

Sinceramente, não sabia como é que tinha acabado de aceitar aquele pedido. Eu não devia estar em mim, só podia. De qualquer das formas, não ia passar dali. Não ia ser mais do que um jantar, e não se ia voltar a repetir. A máxima de não me aproximar de ninguém e não deixar que se aproximassem continuava de pé. Ainda assim, agora que já tinha aceite, já não havia nada a fazer.
- Por mim pode ser.- encolhi os ombros face à sua sugestão.- eu não conheço nada aqui.- confessei.- é a primeira vez que vou comer nalgum sítio que não a minha casa.- e apesar de tudo, não consegui esconder um pequeno sorriso envergonhado. De que me valia começar a conhecer aquele sítio se, mais dia menos dia, me ia embora?

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Carter Rivers em 29.09.17 21:49

Estava num dilema, não sabia se haveria de me focar nela e na sua companhia ou na vontade que tinha em me embebedar e divertir. A minha decisão inconsciente foi fazer um pouco das duas, era uma mistura explosiva, mas convenci-me de que não era parecido ao meu pai. - Ainda não conheces? - Perguntei, surpreso. Olhei em volta, pensando onde poderíamos ir. - Gostas de pizzas, certo? Toda a gente gosta de pizza. - Enfiei as mãos nos bolsos, procurando fazê-la seguir-me. - Hoje vais conhecer a cidade mais bonita do mundo!
avatar
Carter Rivers


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Ruby Rose em 30.09.17 20:49

Estava um bocado receosa em relação a tudo o que poderia ou não acontecer naquele jantar, mas estava a tentar afastar aqueles pensamentos. Já não tinha uma noite normal há muito tempo, estava a precisar. Não da noite em si, mas de me sentir normal uma vez na vida.
- Eu estou aqui há pouco tempo.- encolhi os ombros, tentando justificar o facto de não conhecer nada em Sydney.- por isso, deixo a escolha do jantar por tua conta.- sorri ao de leve, começando a andar ao seu lado quando começou a fazer o mesmo e acabei por sorrir genuinamente com o que disse depois. Sydney era realmente muito bonito, tão bonito que me deixava com pena de ter de me ir embora.- então isso quer dizer que depois do jantar ainda vou ter direito a um passeio? - perguntei, com um tom divertido, calando os meus pensamentos por completo.

---------- ❉ ----------


''And my scars remind me that the past is real.''
avatar
Ruby Rose


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruby's Diner

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum